Saiba quem são os Servidores de Colombo suspeitos de recebimento irregular dos R$ 600 de ajuda emergencial


Conteúdo Jornalista Wilson Vieira - O TCE-PR (Tribunal de Contas do Estado do Paraná) descobriu que 10.648 Servidores Públicos municipais do Paraná receberam indevidamente o auxílio emergencial de R$ 600 do Governo Federal, podendo assim ter cometido crimes de estelionato e falsidade ideológica.

Enquanto muitos brasileiros que realmente necessitam, aguardam a aprovação do auxílio, estes servidores, que fizeram isso e que tem seus salários garantidos, fazem esta canalhice e crime contra o povo brasileiro.
Trabalhadores da iniciativa privada estão com seus salários reduzidos, perdendo seus empregos e esses Servidores fraudam o auxílio emergencial.

Crime hediondo contra o povo brasileiro.

Somente de Colombo foram 186 servidores, que receberam um total de R$ 126.600,00 indevidamente.
Terão de devolver o dinheiro recebido irregularmente e poderão responder judicialmente por crimes de estelionato e falsidade ideológica.

Felizmente, mais de 99% dos Servidores Municipais de Colombo não compactuam com esses "seres", que não vão manchar a reputação da esmagadora maioria de trabalhadores do serviço público municipal.

Veja quem são os Servidores Municipais de Colombo na Lista do TCE-PR:





Postar um comentário

0 Comentários