Ultimas Notícias

Beti Pavin pede que justiça reabra Santa Casa para atender casos de Coronavírus em Colombo



Solicitação é para que em caso de avanço do novo Coronavírus em Colombo, instituição hospital possa ser utilizada


Entre as medidas de enfrentamento que o Comitê de Contingenciamento de Colombo sobre o COVID-19 apresentou, está o pedido de apoio ao Ministério Público para o funcionamento da Santa Casa de Misericórdia. No início desta semana, se reuniram o secretário municipal de Saúde, Dr. Antoninho Barth e a diretora de gestão e controle, Nice Andreia Almeida Lara, com um procurador do MP.

Esta ação, segundo a presidente do Comitê de Contingenciamento de Colombo sobre o COVID-19, prefeita Beti Pavin, visa buscar cedo, todas as medidas que estão ao alcance do município. “Queremos contar com o apoio de toda sociedade com vistas a enfrentar de forma responsável os riscos da pandemia do coronavírus”, enfatiza a prefeita.

De acordo com as autoridades municipais, que neste ato representaram o Comitê, esta ação ter por objetivo unir os poderes, em um esforço conjunto, que tem por finalidade cuidar da saúde da população, em caso de avanço do novo Coronavírus. “Precisamos nos programar, e esta solicitação vem de encontro ao planejamento estratégico de enfrentamento ao vírus”, destacou o secretário municipal de Saúde, médico Antoninho Barth.

Segundo a avaliação da diretora de Gestão e Controle, Nice Andreia Almeida Lara, a promotoria se mostrou solícita em apoio às futuras demandas que por ventura possam surgir. “Fomos muito bem recebidos e temos a certeza que sim, poderemos contar com o respaldo do Ministério Público no enfrentamento ao coronavírus”. Vale lembrar que o Ministério Público atua no processo de intervenção da Santa Casa de Misericórdia, que é uma instituição hospitalar de caráter filantrópico.

Foto Marcio Fausto

Nenhum comentário