Chiná estaria mandando carne humana para países na Africa segundo jornal

Uma notícia de arrepiar os cabelos. O jornal The Independent publicou uma reportagem em que acusa a China de enviar carne humana com produto enlatado para países africanos.

De acordo com a matéria do The Independent, o suposto uso de carne humana como produto seria por causa da superlotação no país e sua “incapacidade” de encontrar um lugar para enterrar os mortos.

Como não poderia deixar de ser, a notícia de que a população da Zâmbia estaria praticando canibalismo sem saber abalou a comunidade internacional, principalmente as autoridades do país.

O embaixador da China na Zâmbia, Yang Youming, se apressou em desqualificar a informação, qualificando como “ uma calúnia maliciosa e difamatória. É inaceitável para nós. Expressamos nossa raiva e a mais forte condenação sobre tal ato”, disse.

Mas o vice-ministro de Defesa da Zâmbia, Christopher Mulenga, quer investigar a origem dos boatos. Por sua vez, o governo chinês emitiu um comunicado negando veementemente a exportação de carne humana.

Fonte Paraná Online

Postar um comentário

0 Comentários