Servidores Públicos protestam em Colombo

Na manhã desta quinta feira (22) aproximadamente duzentos (200) servidores municipais de Colombo e populares e vereadores da oposição realizaram um ato de manifesto frente a prefeitura municipal de Colombo e posteriormente saíram em caminhada a câmara dos vereadores. Tendo como principal reivindicação o pagamento da Data Base ainda este ano.

Entre as reivindicações os servidores pedem a aplicação do índice de base no IPCA do período de maio ainda em 2015 e não em janeiro de 2016 no valor de 8,47%; e o pagamento da diferença do 13° salario também em 2015.

A prefeitura por sua vez se propôs a pagar as reivindicações porem somente após janeiro de 2016, sendo esta proposta e das anteriores  negadas, durante a manifestação os servidores e outros que somavam ao movimento exigiam a presença da Prefeita Beti Pavin e corte dos comissionados, ninguém da prefeitura saiu para atende-los. Os manifestantes seguiram para a Câmara e lá conseguiram que o Presidente da Casa Vereador Waldirlei Bueno saísse atende-los, o Presidente logo depois chamou a comissão responsável para tentar mediar a conversa com os servidores porem não teve existo.
Ficando o indicativo de greve para o dia 03 de novembro.

Conversamos com Vereador Anderson Prego Lider da oposição e com o Presidente Vereador Waldirlei Bueno, veja o vídeo abaixo:


Nossa equipe entrou em contato com a Prefeitura Municipal de Colombo que nos enviou a seguinte nota:



Prefeitura Informa: Data base do funcionalismo será implementada em janeiro




A Prefeitura Municipal atendendo a Lei de Responsabilidade Fiscal – LRF, e o Estatuto do Servidor de Colombo informa que irá conceder a data base do funcionalismo colombense em janeiro de 2016. Para tanto será aplicado o reajuste de 8,47%, conforme o Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo - IPCA de maio de 2015.

E para disponibilizar este índice, mesmo diante da crise econômica que assola todos os municípios brasileiros, onde a previsão orçamentária não está acompanhando a arrecadação dos municípios, a Prefeitura de Colombo tomou algumas medidas de austeridade desde o início deste ano, entre elas a diminuição em 20% das despesas administrativas.

A Prefeitura tem entre suas prioridades o atendimento às necessidades dos servidores, entre elas a recomposição dos salários, porém, os gastos com folha de pagamento atingem durante todo este ano, o percentual superior ao limite prudencial previsto na Lei de Responsabilidade Fiscal, que impõe equilíbrio das contas públicas, incluindo o devido rigor na observância de limites impostos para gastos com pessoal.

Para tanto, outras ações foram adotadas com vistas à redução desses gastos: redução de horas extras, suspensão de contratações e reestruturação administrativa, inclusive com incorporação de secretarias, mas não foi o suficiente para conter o fator gerador do desequilíbrio, que não foi o aumento de despesas, e sim uma sensível redução de receitas que vem dos governos Estadual e Federal, em virtude da crise econômica nacional.

Diante disto, para enfrentar esta queda nos repasses, a Prefeitura irá lançar nos próximos dias o Programa de Recuperação Fiscal de Créditos Vencidos – REFIS, como mais uma medida de recomposição do equilíbrio financeiro o que se prevê para em janeiro resultados positivos na arrecadação e consequentemente a implantação da correção dos salários do funcionalismo público municipal.

Cabe salientar que em 2013 e 2014 foram concedidos 8% e 6,28% respectivamente, de aumento salarial para todos os servidores de Colombo, além da realização, em 2014, da revisão do Plano de Cargos e Salários para todas as categorias.

Para completar, a administração garante que continuará cumprindo com seu compromisso de manter o salário em dia, conceder a data base retroativa a maio e reafirma que o 13º salário da categoria também está assegurado e será pago até 20 de dezembro de 2015. Apenas a diferença referente a data base do 13º salário de 2015 será pago em folha complementar até 20 de janeiro de 2016.




Mais informações sobre o trabalho da prefeitura em:

Por Alisson Schneider


Veja mais algumas fotos do manifesto:


Postar um comentário

0 Comentários